The Latest

dryingthebones:

On all my bookshelves, the classics must be present. These are only a few of what must be on all shelves.
Jan 6, 2014 / 29 notes

dryingthebones:

On all my bookshelves, the classics must be present. These are only a few of what must be on all shelves.

(via dryingthebones-deactivated20140)

lensblr-network:

Cardinal.
by ingirll.tumblr.com
Jan 5, 2014 / 720 notes
Oct 22, 2013 / 6 notes
theanimalblog:

Hedgehog at Dusk, Taken by jimothygalloway
Oct 20, 2013 / 614 notes

theanimalblog:

Hedgehog at Dusk, Taken by jimothygalloway

theanimalblog:

Renard Roux Red Fox. Photo by r.gelly
Aug 18, 2013 / 3,275 notes

theanimalblog:

Renard Roux Red Fox. Photo by r.gelly

vicentinerepublic:

Traditional southern Portuguese Handicraft
Aug 17, 2013 / 5 notes

vicentinerepublic:

Traditional southern Portuguese Handicraft

(via vicentinerepublic-deactivated20)

Aug 16, 2013 / 3 notes
Aug 16, 2013 / 1 note
Aug 16, 2013 / 2 notes

Aproveitar o tempo!
Mas o que é o tempo, que eu o aproveite?
Aproveitar o tempo!
Nenhum dia sem linha…
O trabalho honesto e superior…
O trabalho à Virgílio, à Mílton…
Mas é tão difícil ser honesto ou superior!
É tão pouco provável ser Milton ou ser Virgílio!

Aproveitar o tempo!
Tirar da alma os bocados precisos - nem mais nem menos -
Para com eles juntar os cubos ajustados
Que fazem gravuras certas na história
(E estão certas também do lado de baixo que se não vê)…
Pôr as sensações em castelo de cartas, pobre China dos serões,
E os pensamentos em dominó, igual contra igual,
E a vontade em carambola difícil.
Imagens de jogos ou de paciências ou de passatempos -
Imagens da vida, imagens das vidas. Imagens da Vida.

Verbalismo…
Sim, verbalismo…
Aproveitar o tempo!
Não ter um minuto que o exame de consciência desconheça…
Não ter um acto indefinido nem factício…
Não ter um movimento desconforme com propósitos…
Boas maneiras da alma…
Elegância de persistir…

Aproveitar o tempo!
Meu coração está cansado como mendigo verdadeiro.
Meu cérebro está pronto como um fardo posto ao canto.
Meu canto (verbalismo!) está tal como está e é triste.
Aproveitar o tempo!
Desde que comecei a escrever passaram cinco minutos.
Aproveitei-os ou não?
Se não sei se os aproveitei, que saberei de outros minutos?!

(Passageira que viajaras tantas vezes no mesmo compartimento comigo
No comboio suburbano,
Chegaste a interessar-te por mim?
Aproveitei o tempo olhando para ti?
Qual foi o ritmo do nosso sossego no comboio andante?
Qual foi o entendimento que não chegámos a ter?
Qual foi a vida que houve nisto? Que foi isto a vida?)

Aproveitar o tempo!
Ah, deixem-me não aproveitar nada!
Nem tempo, nem ser, nem memórias de tempo ou de ser!…
Deixem-me ser uma folha de árvore, titilada por brisa,
A poeira de uma estrada involuntária e sozinha,
O vinco deixado na estrada pelas rodas enquanto não vêm outras,
O pião do garoto, que vai a parar,
E oscila, no mesmo movimento que o da alma,
E cai, como caem os deuses, no chão do Destino.

Álvaro de Campos
Jul 27, 2013
the-sting:

All of my life…
Jul 27, 2013 / 4 notes

the-sting:

All of my life…

vintagegal:

Illustration by John Tenniel for Lewis Carroll’s 1865 novel Alice’s Adventures in Wonderland 
Jul 2, 2013 / 3,405 notes

vintagegal:

Illustration by John Tenniel for Lewis Carroll’s 1865 novel Alice’s Adventures in Wonderland 

vintagegal:

Audrey Hepburn c. 1950s
Jun 20, 2013 / 14,613 notes

vintagegal:

Audrey Hepburn c. 1950s

Às vezes, estar demasiado próximo dos centros de decisão provoca miopia, encurta o alcance da vista.
Ensaio sobre a Lucidez, José Saramago
Jun 12, 2013
Sente-se uma insatisfação, sobretudo dos jovens, perante um mundo que já não oferece nada, só vende!
José Saramago
Jun 12, 2013 / 1 note